Diná, uma indígena na cafeicultura.


O lenço Dina é uma homenagem a todas as indígenas que trabalham produzindo os Robustas Amazônicos que geram renda e prosperidade para famílias inteiras no estado de Rondônia.

As palavras de Dina aqui reproduzidas são carregadas de um sentimento puro de um povo que resiste diante de todas as adversidades.

Meu nome é Dina Pagoyah Surui. Nasci na linha 11 aldeia Tika reserva 7 de setembro. Nome do meu esposoa é Yamixarah Surui e minha filha Payamah tem 16 anos e Pagoar tem 12 e Xamekar tem 3 anos. Com café meus pais já trabalhavam. Então com isso na minha adolescência eu já comecei a trabalhar com meus pais e naquela época o trabalho ainda estava começando e hoje cada dia que passa estamos avançando nesse trabalho. O café significa uns dos melhores meios de sustentabilidade e consumo familiar. O meu esposo tem administrado o trabalho com café e eu estou sempre junto dando força no que eu puder. Eu vejo o papel da mulher que quando está envolvendo o trabalho com café ela está pronta para ajudar nos detalhes do trabalho para que o resultado seja um melhor produto. Primeiro que o café não é da nossa cultura, mas foi um meio de sustentabilidade que adotamos e abraçamos de coração de não indígena. Hoje vejo que o nosso povo está cada vez mais amando esse trabalho e cada vez mais melhorando e avançando. E sabendo que não estamos levando o trabalho sozinho e que uniu para esse trabalho cada vez melhorando em nosso estado e no nosso município e no nosso povo através dessa união. Contamos com apoio de todos. Estamos juntos Dina Pagoyah Surui, produtora de café junto com o marido”.

Click e compre pelo site

Posts Em Destaque
Posts em breve
Fique ligado...
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

Inscreva-se para receber todas as novidades em seu email

  • linkedin
  • Facebook
  • Instagram

JCMScarves © 2019 – Todos os direitos reservados. Powered by @ingridmacieiradesign.